Notícias e Publicações
2013/26/09
Publicações Económicas

Sector Automóvel: A Europa recorre aos mercados emergentes

Sector Automóvel

Este Panorama inclui o nosso barómetro sectorial global, que analisa a situação dos 14 sectores-chave da economia em três das maiores regiões do Mundo (União Europeia, América do Norte e Ásia Emergente) através de um indicador de risco de incumprimento único. Na Europa, o risco sectorial continua a deteriorar-se, especialmente na indústria química devido às dificuldades deste mercado na Europa, e também na área farmacêutica, devido à rigidez das medidas fiscais implementadas pelo governo.

Este Panorama também contém o nosso estudo sobre a reorientação dos fabricantes automóveis europeus em países emergentes através de dois principais mercados: Rússia e Turquia. O sector automóvel na Turquia, mais visto como uma plataforma de reexportação, terá de enfrentar a concorrência de países de baixo custo num futuro próximo uma vez que o esforço actual em I + D é insuficiente.
O crescente mercado interno da Rússia é muito atractivo para os fabricantes de automóveis europeus e o país procura preservar a sua própria indústria automóvel através do proteccionismo.
Em ambos os países, a classe média em rápida expansão continua a ser um motor importante porque as famílias estão ansiosas por renovar o seu equipamento automóvel.

 

 

 

BARÓMETRO SECTORIAL

Apesar do fim da recessão na zona euro, os riscos sectoriais continuam a agravar no Sul da Europa .Também se produziu uma ligeira deterioração do risco de crédito na Ásia emergente.

 

 

 

 

A INDÚSTRIA automoBilística a nÍvel mundial

 

A indústria automóvel é a sexta maior potência económica do mundo em termos de PIB, equivalente a receitas de 2 biliões de euros. Em 2018, a taxa de crescimento em média estimada para o sector será de 5,6%, apoiado pelo desenvolvimento da frota automóvel nos países emergentes, o que reflecte uma mudança na produção e nas vendas nas regiões de maior crescimento. A China representou 20% das vendas mundiais e os 23% da produção em 2012.

 

 

 

 

O POSICIONAMENTO DA INDÚSTRIA AUTOMOBILÍSTICA EUROPEIA FACE AOS MERCADOS EMERGENTES: RÚSSIA E TURQUIA

O sector automóvel europeu sofreu consideravelmente da prolongada crise na zona euro. Viu-se afectado tanto pelos elevados custos de produção como pela falta de procura do seu mercado interno. Neste contexto, os grupos internacionais do sector estão a recorrer aos mercados emergentes. Os exemplos da Rússia e da Turquia ilustram esta tendência: o mercado turco é especialmente atractivo para aqueles que pretendem beneficiar de menores custos de produção na Europa Ocidental, enquanto que a Rússia tem a vantagem de possuir um grande mercado interno (o maior da Europa por tamanho).

Transferir esta publicação : Sector Automóvel: A Europa recorre aos mercados emergentes (609,37 kB)

Contacto


Para mais informações:

Cláudia MOUSINHO
Tel. (+351) 211 545 408
Mail claudia.mousinho@coface.com 

Início
  • Portugese