Notícias e Publicações
2016/28/07
Publicações Económicas

Barómetro Risco Sectorial no Mundo - Julho 2016

Barómetro Risco Sectorial no Mundo - Julho 2016
a cada trimestre A Coface actualiza a perspectiva de risco para 12 sectores de actividade em 6 regiões

Pela primeira vez, estas avaliações regionais são acompanhadas por avaliações de sector detalhadas para 17 países (ver anexo página 6): EUA, Japão, Alemanha, França, Reino Unido, Itália, Espanha, China, Índia, Brasil, México, Polónia, Rússia, Turquia, Arábia Saudita, EAU e África do Sul.

 

Enquanto o “balanço dos riscos”, presentemente, aparenta ser mais elevado que o primeiro trimestre (6 revisões em baixa e 7 melhorias, comparativamente a 9 revisões em baixa e apenas 2 melhorias no primeiro trimestre), continua a ocultar diferenças substanciais de uma região para outra.

Em particular, os riscos sectoriais continuam a crescer nas economias emergentes, onde 5 de 6 revisões em baixa das avaliações foram referenciadas, desde que desceram na Europa, apesar dos riscos associados aos resultados do referendo no Reino Unido.

 

Não surpreendentemente, os sectores associados aos bens e produtos detêm um nível elevado de risco em todas as regiões, com o ligeiro aumento dos preços, que ocorreu durante o segundo trimestre, têm ainda uma dimensão modesta nesta fase, para serem considerados uma verdadeira lufada de ar fresco.

 

Por outro lado, os sectores de actividade que dependem do consumo privado estão a manter-se melhor nos países emergentes, devido à tendência de crescimento das receitas, bem como dos baixos níveis de inflação, que continuam favoráveis para os consumidores. As principais excepções são o Brasil, a África do Sul, a Rússia e o Médio Oriente (reduções na avaliação dos sectores da distribuição, têxteis, automóvel e de processamento alimentar), nos quais as políticas de corte nas despesas públicas, subsídios sob escrutínio e condições restritivas de crédito, estão a afectar os consumidores destas regiões.

 

Por último, é também uma fonte de fraqueza o sector da construção na Ásia, onde muitas empresas estão altamente endividadas.     

Transferir esta publicação : Barómetro Risco Sectorial no Mundo - Julho 2016 (2,38 MB)

Contacto


Para mais informações:

Cláudia MOUSINHO
Tel. (+351) 211 545 408
Mail claudia.mousinho@coface.com 

Consulte também


Início
  • Portugese